Encontre o que precisa buscando por aqui. Por exemplo: digite o título do filme que quer pesquisar

quarta-feira, 7 de março de 2012

"A Separação", o filme iraniano premiado com o Oscar ainda está em cartaz.

O iraniano “A Separação” ganhou o Globo de Ouro e o Oscar de melhor filme estrangeiro. É de fato um trabalho excepcional. Primeiro porque rompe com a crença de que filme iraniano é sonolento e contemplativo, uma imagem fixada depois de uma longa safra de títulos nessa linha. Trata-se, porém, de uma história carregada de tensões e conflitos, contada com agilidade e transmitindo uma angustiante impressão de urgência. Imagine um casal que está se separando porque ela resolve se mudar para outro país, enquanto ele decide permanecer no Irã, principalmente para cuidar do pai doente e senil. Eles parecem pertencer ao que chamaríamos de classe média, porque vivem num apartamento confortável e cada um tem o seu próprio automóvel.

Tudo se complica quando o marido precisa encontrar uma empregada doméstica para ajudar a família e o faz às pressas contratando a primeira pessoa que aparece. Uma mulher, aliás, extremamente educada e religiosa, mas cujo marido, se morasse no Brasil receberia o qualificativo de “trambiqueiro”, ou malandro. Após um contratempo envolvendo o velho pai, o patrão precisa demiti-la e a discussão vai parar na justiça que, como se nota no filme, não é lenta como entre nós, mas visivelmente caótica e confusa, por conta mesmo do regime teocrático daquele país. Por vezes chegamos a sentir certo alívio por não vivermos naquele mundo cheio de regras e proibições que podemos considerar absurdas. Mas acabamos verificando que, apesar das diferenças políticas e culturais, vivemos numa barafunda equivalente, só que numa outra língua.

A SEPARAÇÃO
Jodaeiye Nader az Simin
Irã, 2011, 123 min, 12 anos
gênero drama / social
Distribuição Imovision
Direção Asghar Farhadi
Elenco Leila Hatami, Peyman Moadi, Shahab Hosseini
COTAÇÃO
* * * *
ÓTIMO

4 comentários:

Enaldo disse...

Este sim é o melhor filme da última safra. Cinema sem truques.

Rafael W. disse...

Preciso conferir.



http://cinelupinha.blogspot.com/

Anônimo disse...

Olá, Luciano!

Fazendo pesquisas sobre filmes iranianos, cheguei ao seu blog. Andei lendo alguns outros posts e gostei. Parabéns pelo trabalho!

Gostaria de dar uma sugestão funcional e estética. Se o fundo do blog fosse branco, a leitura certamente seria mais agradável. Também daria um ar limpo ao blog.

Mais uma vez, parabéns.

Abs,
Fábio.

Rogerio Floripa disse...

Baixar o Filme - A Separação - http://mcaf.ee/nc2le