Encontre o que precisa buscando por aqui. Por exemplo: digite o título do filme que quer pesquisar

segunda-feira, 11 de junho de 2012

É teatro? Comédia? Sociologia ? Não! É cinema de Romain Polanski: "Deus da Carnificina".


Alguém poderia ficar assustado ao saber que todo o filme “Deus da carnificina” se resume a um único encontro entre dois casais, dentro de um apartamento em Nova York. Haveria talvez o risco de tédio, se o diretor não se chamasse Romain Polanski e os intérpretes não fossem Jodie Foster (“O Silêncio dos Inocentes”) Kate Winslet (“Titanic”), casadas respectivamente com Jonh C. Reilly (“Quase Irmãos”) que tem feito mais comédias do que qualquer outro gênero, e o alemão Christoph Waltz, que mostrou a sua habilidade em “Bastardos Inglórios”. O tema dessa conversa é que o filho de um dos casais agrediu o filho do outro.
Os pais tentam resolver a questão de uma maneira civilizada e cortês. Mas, aos poucos as farpas começam a ser atiradas para todos os lados e o grupo acaba revelando os aspectos mais obscuros das suas personalidades – com a ajuda de um litro de uísque antigo consumido até a última gota. Qualquer tentativa de criar uma sinopse desse longo bate boca seria vã, porque o rumo dos diálogos vai se transformando em ritmo de vertigem -- ainda que costurados sempre de modo firme e surpreendente pelo texto teatral da francesa Yasmina Reza, já encenado com sucesso no Brasil e em vários países.
O resultado é um coquetel espesso de emoções fluidas, que vão se sucedendo de modo social e psicologicamente lógico e coerente. Uma espécie de microcosmo magistralmente bem armado nas dinâmicas culturais e políticas que movimentam as relações humanas no mundo atual.
Deus da Carnificina
Carnage
EUA, França, Reino Unido, Brasil, Austrália, Alemanha 
2012 – 80 min. 12 anos
estreia 08 06 2012gênero comédia / humor negro / psicologia social

Distribuição Imagem Filmes
Direção Roman Polanski
Com Jodie Foster, Kate Winslet,
Christoph Waltz, Jonh C. Reilly
COTAÇÃO
* * * *

Ó T I M O

2 comentários:

Franciely Sampaio disse...

Curiosíssima!!!

Cynthia Marques disse...
Este comentário foi removido pelo autor.